Publicidade

Correio Braziliense

Merkel: novo tratado franco-alemão pode contribuir para exército europeu

O texto foi assinado por Merkel e pelo presidente francês, Emmanuel Macron, esta manhã, em Aachen, na Alemanha, a quatro meses das eleições legislativas europeias


postado em 22/01/2019 09:20

(foto: Odd Andersen / AFP )
(foto: Odd Andersen / AFP )

O novo tratado de cooperação franco-alemão, firmado nesta terça-feira (22/1) e que prevê uma aproximação no setor de defesa, quer ser "uma contribuição" para a futura criação de um Exército europeu - afirmou a chanceler alemã, Angela Merkel.

O texto foi assinado por Merkel e pelo presidente francês, Emmanuel Macron, esta manhã, em Aachen, na Alemanha, a quatro meses das eleições legislativas europeias.

Prevê uma convergência das políticas econômica, externa e de defesa de ambos os países, uma cooperação nas regiões transfronteiriças, assim como uma "assembleia parlamentar comum" composta por 100 deputados franceses e alemães.

Em um discurso, a chanceler afirmou que França e Alemanha darão uma contribuição para a criação de um exército europeu.  Merkel se referiu como uma cultura e uma indústria militares comuns.

Este acordo completa o Tratado do Eliseu, firmado em 1963 pelo general Charles de Gaulle, chefe do Estado francês, e pelo chanceler Konrad Adenauer. O texto selou a reconciliação franco-alemã depois da guerra.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade