Publicidade

Correio Braziliense

Macedônia assina protocolo de adesão à OTAN

O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, comemorou um dia histórico, que levará o país dos Bálcãs a se tornar o 30º parceiro da Aliança quando o processo de ratificação terminar


postado em 06/02/2019 10:39 / atualizado em 06/02/2019 10:59

(foto: Emmanuel Dunand / AFP)
(foto: Emmanuel Dunand / AFP)

A Macedônia assinou nesta quarta-feira (6/2) o protocolo de adesão à OTAN, um passo-chave no caminho para aderir à Aliança depois de resolver sua disputa com a Grécia em relação ao nome do país.

 

O chanceler macedônio, Nikola Dimitrov, e os representantes de todos os países membros da OTAN assinaram este protocolo na sede da Aliança, em Bruxelas. 

 

O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, comemorou um dia histórico, que levará o país dos Bálcãs a se tornar o 30º parceiro da Aliança quando o processo de ratificação terminar. 

 

"Todos os aliados da OTAN assinaram o protocolo de adesão, que trará mais segurança e prosperidade para toda a região", disse Stoltenberg.

 

Grécia e Macedônia recentemente aprovaram um acordo para mudar o nome do segundo país, que será formalmente renomeado como República da Macedônia do Norte.

 

Este acordo permitiu levantar o veto grego à adesão deste país à OTAN e abriu as portas para que pudesse iniciar negociações para a sua entrada na União Europeia (UE).

 

O Comissário Europeu para as Negociações de Adesão, Johannes Hahn, também celebrou a assinatura desta quarta-feira como uma contribuição para a paz e a estabilidade nos Bálcãs Ocidentais.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade