Publicidade

Correio Braziliense

Pentágono anuncia ajuda militar de US$ 250 milhões à Ucrânia

Novo repasse vai pagar principalmente armas e radares para o exército ucraniano, que luta contra separatistas pró-russos


postado em 18/06/2019 19:53 / atualizado em 18/06/2019 19:54

O Pentágono anunciou nesta terça-feira que acordou uma ajuda militar de 250 milhões de dólares para a Ucrânia, destinada a reforçar as capacidades terrestres e navais desta ex-república soviética.

Segundo explicou em um comunicado, a nova ajuda, que eleva a assistência militar americana à Ucrânia a 1,5 bilhão de dólares desde 2014, permitirá pagar principalmente armas e radares para o exército ucraniano, que tem lutado contra separatistas pró-russos no leste do país.

"Os Estados Unidos continuam comprometidos em ajudar a Ucrânia", disse um porta-voz do Pentágono, explicando que o objetivo é "reforçar o controle civil democrático das forças armadas, promover reformas de comando e controle, melhorar a transparência e responsabilidade na aquisição e orçamento, e avançar nas reformas da indústria de defesa".

"Estas reformas vão reforçar a capacidade da Ucrânia de defender sua integridade territorial, em apoio a uma Ucrânia segura, próspera, democrática e livre", concluiu.

Cerca de 13.000 pessoas morreram desde o início da insurgência apoiada por Moscou em abril de 2014, após a anexação da Crimeia pela Rússia.

A Ucrânia e seus aliados ocidentais acusam a Rússia de fornecer tropas e armas para os rebeldes  pró-Moscou. A Rússia nega as acusações.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade