Publicidade

Correio Braziliense

Ex-prefeito de Teerã é julgado pelo assassinato da segunda esposa

Mohammad Ali Najafi se entegou e confessou ter matado a esposa 30 anos mais jovem do que ele


postado em 13/07/2019 17:46

(foto: Meghdad Madadi / Tasnim News Agency / AFP)
(foto: Meghdad Madadi / Tasnim News Agency / AFP)
Começou neste sábado (13/7) o julgamento do ex-prefeito de Teerã Mohammad Ali Najafi, acusado de matar sua segunda esposa — informou a imprensa iraniana. Najafi, de 67 anos, foi prefeito da capital do Irã entre agosto de 2017 e abril de 2018 e é considerado um dos líderes do movimento reformista.

Em 28 de maio, ele se entregou à polícia e admitiu ter matado sua segunda esposa, Mitra Ostad, 30 anos mais jovem do que ele, algumas horas antes. O corpo da vítima foi encontrado no banheiro da casa onde viviam, dentro de uma banheira.

Matemático brilhante e professor universitário, Najafi foi vice-presidente da República Islâmica e várias vezes ministro. Agora pode ser condenado à pena de morte.

A fama de Najafi e o escândalo em torno de seu segundo casamento — por não ter-se divorciado da primeira mulher, como exige a lei iraniana — contribuíram para o grande interesse que o caso desperta no país.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade