Publicidade

Correio Braziliense

Jovem austríaca escapa de sequestrador depois de elogiar orquídeas

A mulher percebeu que o homem cultivava várias orquídeas e começou a elogiar as flores, até que ele decidiu libertá-la


postado em 27/07/2019 12:30

(foto: Instagram/Reprodução)
(foto: Instagram/Reprodução)

Uma jovem austríaca sequestrada quando praticava ciclismo conseguiu escapar depois de elogiar as orquídeas de seu raptor, revelaram neste sábado (27/7) fontes policiais.

Nathalie Birli, uma ciclista profissional de 27 anos, treinava na terça-feira perto da cidade de Graz (sudeste) quando um carro a derrubou. 

A jovem quebrou o braço quando caiu. Seu agressor saiu do carro, bateu nela com um tronco e a levou para casa, isolada no campo.

"Quando acordei, estava nua, sentada e amarrada em uma poltrona, em uma casa velha", disse a jovem ao jornal Kronen Zeitung.

Seu sequestrador a obrigou a beber álcool e tentou afogá-la, e depois a colocou em uma banheira cheia de água fria, relatou.

A mulher percebeu que o homem cultivava várias orquídeas. Ela começou a elogiar as flores. Seu agressor, a princípio "cheio de ódio", começou a "suavizar comigo" e explicou sua paixão por jardinagem e sua infância difícil.

A jovem finalmente conseguiu que seu sequestrador a libertasse e a levasse para casa, sem esquecer sua bicicleta.

A polícia conseguiu localizar a cena do crime graças aos dados de GPS da bicicleta. O homem, de 33 anos e com problemas mentais, foi preso, e agora a polícia está investigando se ele estaria envolvido em outros sequestros não elucidados.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade