Publicidade

Correio Braziliense

Ataque contra base militar em Burkina Faso deixa 24 mortos

País localizado ao oeste da África é frequentemente alvo de ataques, onde resultaram na morte de quase 500 pessoas nos últimos quatro anos


postado em 20/08/2019 12:18

Ataque foi organizado por grupos terroristas (foto: AFP/Arquivos)
Ataque foi organizado por grupos terroristas (foto: AFP/Arquivos)
Um ataque extremista contra uma base militar no norte de Burkina Faso deixou 24 mortos e sete feridos na segunda-feira (19/8), de acordo com um balanço divulgado nesta terça-feira (20/8) pelo Estado-Maior do exército.

O ataque, que teve como alvo a base de Koutougou, na província de Soum, foi um dos mais violentos já executados contra militares neste país africano.

Uma fonte das forças de segurança afirmou à AFP que "dezenas de terroristas a bordo de motos e caminhonetes" executaram o ataque contra a base militar 

Burkina Faso, um país pobre do oeste da África, é cenário frequente de ataques jihadistas, que deixaram quase 500 mortos nos últimos quatro anos.

Os ataques são atribuídos a diversos grupos, alguns vinculados à Al-Qaeda e outros ao Estado Islâmico.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade