Publicidade

Correio Braziliense

Trump considera 'seriamente' terminar com cidadania por nascimento

Iniciativa vai contra 14ª emenda da Constituição americana que estabelece que a cidadania é concedida a todos que nascem no país


postado em 21/08/2019 19:50

(foto: SCOTT OLSON / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP)
(foto: SCOTT OLSON / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP)
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quarta-feira (21/8) que está pensando "seriamente" em eliminar o direito à nacionalidade por nascimento, retomando uma ideia que ele apresentou há um ano numa entrevista.

"Estamos analisando o direito à nacionalidade por nascimento seriamente", disse Trump a repórteres na Casa Branca, no mesmo dia em que anunciou que quer acabar com o limite legal de 20 dias que uma criança imigrante pode passar detida nos Estados Unidos.

Esta iniciativa vai contra  14ª emenda da Constituição americana que estabelece que a cidadania é concedida a todos que nascem no  país. 

Em outubro do ano passado, Trump afirmou numa entrevista ao portal Axios que poderia acabar com este direito através de uma ordem executiva, argumentando que não seria necessário alterar a Constituição.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade