Publicidade

Correio Braziliense

Funcionário leva palhaço para o ''apoiar'' em reunião de demissão

Durante a conversa do trabalhador com os seus chefes, o palhaço fazia caretas e manuseava balões para criar animais


postado em 16/09/2019 19:51

O palhaço Joe acompanhou Josh na reunião de demissão(foto: Reprodução/Josh Thompson)
O palhaço Joe acompanhou Josh na reunião de demissão (foto: Reprodução/Josh Thompson)
O redator Josh Thompson teve uma ideia um pouco inusitada quando descobriu que seria demitido. Após receber um e-mail de seus chefes pedindo para discutir o papel dele na empresa, ele previu que enfrentaria uma demissão.

Na Nova Zelândia, a lesgislação estabelece que o funcionário leve uma “pessoa de apoio” para ajudar nesta situação. Mas, em vez de levar uma parente, amigo ou até mesmo um animal de estimação, Josh, que também é comediante, decidiu gastar R$500 para contratar um palhaço chamado Joe. 

Em entrevista dada para BBC, Josh afirmou que está “aproveitando ao máximo o fato de estar desempregado” e que tentou tirar o “melhor da situação”. “Eu estava trabalhando, porque tinha um emprego na época, quando eu recebi um e-mail que dizia: ‘Olá, Josh, gostaríamos de nos encontrar com você para discutir alguns assuntos em relação seu papel na empresa'", disse. 

O palhaço Joe acompanhou Josh na reunião de demissão e manuseava balões para criar animais. Quando o redator foi informado que perderia o emprego, o palhaço reagiu negativamente. “"Ele balançou cabeça quando eu recebi a má notícia, como se ele também estivesse sendo demitido", contou Josh. "Muito profissionalismo, realmente.” 

* A estagiária está sob supervisão da subeditora Ellen Cristie.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade