Publicidade

Correio Braziliense

A Vida é Bela: Pai sírio ensina filha a lidar com bombardeios no país

Abdullah Mohammad resolveu criar um jogo de sons com a filha para lidar com as explosões do conflito


postado em 18/02/2020 12:21 / atualizado em 18/02/2020 12:42

Em vídeo, Abdullah Mohammad e sua filha Salwat, fazem uma brincadeira onde ela tenta adivinhar o barulho que eles estão ouvindo naquele momento(foto: Reprodução/Youtube)
Em vídeo, Abdullah Mohammad e sua filha Salwat, fazem uma brincadeira onde ela tenta adivinhar o barulho que eles estão ouvindo naquele momento (foto: Reprodução/Youtube)
Nascida em meio à guerra na Síria, Sawa tem o conflito como rotina. Os embates entre forças do governo, oposicionistas, milícias, jihadistas e tropas de outros países completa oito anos espalhados por quase todo o território do país. Sawa tem apenas 3.

Preocupado com os traumas que o conflito pode provocar em sua filha, Abdullah Mohammad resolveu fazer algo diferente. O pai tentou amenizar o momento propondo uma brincadeira.

Mohammad criou um jogo com o som. Em vídeo obtido pela agência Reuters, o pai encoraja Sawa a adivinhar que barulho eles estão ouvindo. "É uma bomba ou um jato?", pergunta ele à menina.

A garota, empolgada com a brincadeira, adivinha que se trata de uma bomba, e passa a rir quando ouve o som da explosão.

Impacto 

Em estudo feito pela Save The Children, ficou evidente o que o nível tóxico de estresse como o da guerra, sem o devido suporte, provoca impactos sobre a saúde física e mental para o resto da vida.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade