Mundo

OMS lembra que gripe sazonal mata 60 mil pessoas por ano na Europa

Em conferência de imprensa sobre o surto do Covid-19 na Itália, o diretor da OMS para a Europa reforçou a importância da vacinação

Agência France-Presse
postado em 26/02/2020 13:29
O diretor da OMS Europa Hans Kluge falou em uma conferência de imprensa sobre o surto de Covid-19 nesta quarta-feira (26/2) na Itália.A gripe sazonal mata 60.000 pessoas por ano na Europa, e os cidadãos europeus não devem se opor à vacina - ressaltou nesta quarta-feira (26/2), em Roma, o diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS) para a Europa, Hans Kluge.

"Não devemos esquecer que temos cerca de 60.000 mortes por gripe sazonal todos os anos na Europa, quando existe uma vacina", lembrou Kluge.

"Então, eu gostaria de incentivar as pessoas a se vacinarem", acrescentou, criticando "o movimento cético à vacina" que se desenvolveu na Europa.

"Temos ferramentas muito poderosas: use essas ferramentas poderosas para proteger sua saúde", insistiu.

Falando do Ministério italiano da Saúde, após uma reunião dedicada à epidemia de coronavírus, ele observou que as vítimas registradas na Itália tinham "mais de 65 anos de idade e baixa imunidade", pessoas que são, portanto, também "vulneráveis à gripe sazonal".

Uma 12; morte ligada à epidemia do novo coronavírus ocorreu na Itália, onde o balanço atual é de 374 casos e 12 óbitos.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação