Mundo

China faz apreensão recorde de notas falsas de iuane

Falsificadores de dinheiro foram presos com o equivalente a 59,5 milhões de dólares em notas falsas

Agência France-Presse
postado em 15/05/2020 08:32
A polícia chinesa apreendeu notas falsas com um valor nominal de 422 milhões de yuans (59 milhões de dólares) no maior período desde a fundação da República Popular da China em 1949.A polícia chinesa desmantelou uma rede de falsificadores de dinheiro e apreendeu um recorde de 422 milhões de iuanes (59,5 milhões de dólares), anunciou nesta sexta-feira (noite de quinta, 14, no Brasil), a agência Xinhua.

É o maior montante já apreendido na história da República Popular da China, fundada em 1949 pelo comunista Mao Tsé-tung, informou o ministério da Segurança Pública em um comunicado.

Dezesseis suspeitos foram detidos durante uma operação realizada por agentes da Polícia nas províncias de Heilongjiang e Guangdong, nos extremos norte e sul do país, respectivamente.

O comunicado não detalha o local exato, nem a data da intervenção. Aponta simplesmente que a investigação durou três meses e começou no fim de 2019.

As notas de 100 iuanes (14 dólares) são as de maior circulação e têm estampada a imagem de Mao, assim como as demais da moeda chinesa.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação