Mundo

Eslovênia declara fim da epidemia e abre fronteiras

As fronteiras do país serão reabertas a todos os cidadãos da União Europeia

Agência France-Presse
postado em 15/05/2020 13:40
O país de dois milhões de habitantes registrou um total de 103 mortes e 1.500 casos de coronavírus.A Eslovênia declarou o fim da pandemia de covid-19 em seu território e reabriu suas fronteiras, embora algumas medidas preventivas continuem em vigor.

Em declarações na quinta-feira (14/5), o primeiro-ministro Janez Jansa afirmou que "a Eslovênia tem hoje a melhor situação clínica da Europa, o que nos permite acabar com o estado epidêmico".

As fronteiras do país serão reabertas a todos os cidadãos da União Europeia, enquanto o restante deve observar a quarentena.

O país de dois milhões de habitantes, na fronteira com Itália, Croácia e Áustria, registrou um total de 103 mortes e 1.500 casos de coronavírus, com poucas novas infecções nos últimos dias.

Certas restrições permanecem em vigor, como a proibição de reuniões públicas, o uso de máscara e o respeito pelas regras de distanciamento social.

No início desta semana, o governo anunciou a suspensão da maioria das restrições a partir da próxima semana. Shopping centers e hotéis com até 30 quartos serão reabertos.

Segundo a rádio pública eslovena, ao declarar o fim da epidemia, o Estado evita a prorrogação automática, até o final de junho, de um conjunto de medidas de apoio econômico aprovadas para ajudar a população e as empresas. Essas medidas expiram no final de maio.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação