Mundo

Presidente da Argentina prorroga quarentena até 7 de junho

As medidas de isolamento social adotadas pelo país se encerrariam neste domingo

Agência Estado
postado em 24/05/2020 11:30
As medidas de isolamento social adotadas pelo país se encerrariam neste domingo O governo argentino prorrogou a quarentena no país até 7 de junho, informou o presidente do país Alberto Fernández em uma coletiva de imprensa, na noite de sábado (23/5). "Vai durar quanto tiver que durar", afirmou Fernández. As medidas de isolamento social adotadas pelo país se encerrariam neste domingo.

As medidas foram endurecidas na capital Buenos Aires, com controle mais rígido sobre a circulação de pessoas. Os voos comerciais continuam proibidos no país até 1; de setembro.
De acordo com dados divulgados pelo governo argentino, o país tem 11.353 infectados pelo novo coronavírus e registra 445 mortes. Ontem, mais 704 casos foram confirmados.
Segundo o presidente argentino, 19 províncias não registraram nenhum novo caso da covid-19 ontem, enquanto outras 10 não relatam casos da doença na última semana.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação