Publicidade

Correio Braziliense

Estados Unidos têm sexto dia de protestos contra racismo

Pelo menos 40 cidades do país adotaram o toque de recolher para evitar as manifestações


postado em 01/06/2020 00:01 / atualizado em 01/06/2020 00:13

(foto: Stephen Maturen/Getty Images/AFP)
(foto: Stephen Maturen/Getty Images/AFP)

Os Estados Unidos entraram no sexto dia de manisfetações inicidas após a morte do segurança norte-americano George Floyd asfixiado por policiais em Minneapolis. A cidade, inclusive, foi o local onde os protestos tiveram início. A população pede justiça e o indiciamento dos outros policiais envolvidos no assassinato.
 
Neste domingo (31/5), a cidade de Minneapolis teve novos atos. Um homem com um caminhão avançou contra os manifestantes e acabou se ferindo. Ele foi preso.

(foto: Stephen Maturen/Getty Images/AFP)
(foto: Stephen Maturen/Getty Images/AFP)


Locais como Nova York, Chicago, Boston e San Diego também registraram manifestações com confrontos. A Casa Branca, em Washington, novamente foi rodeada por manifestantes.

Por conta dos atos que acabaram causando incêndios em prédios e em carros da polícia nos últimos dias, pelo menos 40 cidades do país adotaram o toque de recolher. Lojistas anunciaram o fechamento de lojas.


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade