Publicidade

Correio Braziliense

França cancela tradicional desfile militar do 14 de Julho por coronavírus

O tradicional desfile vai ser substituído por uma cerimônia que incluirá homenagem aos profissionais da saúde


postado em 04/06/2020 11:17

O presidente da França, Emmanuel Macron, se reúne com representantes franceses dos trabalhadores e sindicatos sobre as conseqüências sociais e econômicas da pandemia do covid-19 no Palácio presidencial do Eliseu, em Paris.(foto: YOAN VALAT / POOL / AFP)
O presidente da França, Emmanuel Macron, se reúne com representantes franceses dos trabalhadores e sindicatos sobre as conseqüências sociais e econômicas da pandemia do covid-19 no Palácio presidencial do Eliseu, em Paris. (foto: YOAN VALAT / POOL / AFP)
Devido à pandemia de coronavírus, a França cancelará este ano seu tradicional desfile militar em 14 de julho, substituindo-o por uma cerimônia que incluirá uma homenagem aos profissionais da saúde - anunciou a Presidência nesta quinta-feira (4/6).

Este ano, o feriado nacional, normalmente comemorado na Avenue des Champs-Elysées, acontecerá na Place de la Concorde, um lugar muito menor, com 2.000 participantes e cerca de 2.500 convidados. Os presentes deverão respeitar as regras de distanciamento físico.

A cerimônia, que incluirá um desfile aéreo, prestará uma homenagem ao Exército, ao pessoal de saúde e a todas as pessoas mobilizadas na luta contra o vírus, disse o Palácio do Eliseu. 

O feriado nacional francês, que comemora a tomada da Bastilha em 14 de julho de 1789, reúne milhares de espectadores todos os anos na Champs-Elysées para um desfile com regimentos militares franceses.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade