Publicidade

Correio Braziliense

Pandemia 'está controlada' na França, diz presidente do Conselho Científico

Apesar do controle, o conselho científico publicou recomendação para o país se preparar para próximos ''quatro cenários prováveis'': de uma "epidemia sob controle" até uma "degradação crítica"


postado em 05/06/2020 09:48

Uma garçonete com uma máscara desinfeta a mesa de um restaurante à beira-mar em Mamoudzou, na ilha francesa de Mayotte, no Oceano Índico.(foto: Ali AL-DAHER / AFP)
Uma garçonete com uma máscara desinfeta a mesa de um restaurante à beira-mar em Mamoudzou, na ilha francesa de Mayotte, no Oceano Índico. (foto: Ali AL-DAHER / AFP)
A pandemia de covid-19 está atualmente "sob controle" na França - declarou o presidente do conselho científico, professor Jean-François Delfraissy, nesta sexta-feira (5/6).

"O vírus continua circulando em certas regiões, mas circula em baixa velocidade. Onde havia quase dezenas de milhares de casos, cerca de 80 mil casos novos diariamente no início de março antes do confinamento, estimamos que estamos agora com em torno de mil casos, mais ou menos", disse Delfraissy à rádio France Inter.

"Isso mostra que há uma redução significativa. E depois, acima de tudo, temos as ferramentas para detectar novos casos. Temos os testes, temos todo um sistema de isolamento e contato, o que obviamente nos permite evitar a extensão", acrescentou o professor Delfraissy, especialista em Imunologia.

Encarregado de orientar o governo na gestão da crise relacionada à covid-19, o conselho científico publicou uma nova recomendação, na quinta-feira (4/6), para o país se preparar para "quatro cenários prováveis" para os próximos meses: de uma "epidemia sob controle" até uma "degradação crítica".

"Achamos que o cenário número um, ou seja, o controle da epidemia, é o mais provável", disse Delfraissy.

Um dos países mais afetados pela pandemia, a França registrou 29.065 mortes e 189.441 casos de contágio, de acordo com o último balanço da AFP divulgado na quinta-feira à noite.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade