Mundo

Primeiro leão branco nascido em zoológico na Espanha é rejeitado pela mãe

O leão nomeado White King nasceu após um difícil parto e está recebendo cuidados da equipe do zoológico

Agência France-Presse
postado em 10/06/2020 13:45
O diretor do zoológico Juan Luis Malpartida apresenta o White King, o primeiro filhote de leão branco nascido na Espanha, na Reserva Mundial do Parque Guillena, em Sevilha, em 10 de junho de 2020.Como o nome White King sugere, é um leão branco e, segundo o diretor do zoológico espanhol onde nasceu, um verdadeiro "bichinho de pelúcia". No entanto, foi rejeitado pela mãe depois de um parto muito sofrido.

White King, nascido em 31 de maio, é o primeiro leão branco que vem ao mundo em um parque zoológico na Espanha.

Juan Luis Malpartida, diretor do Mundo Park em Guillena, perto de Sevilha (sul), desmorona com ele em abraços, carinhos e cuidados, como dar-lhe leite em uma garrafa.

Conta à AFP que "o parto foi ruim", porque a mãe, uma leoa branca trazida da Tailândia há quatro anos, "deu à luz 14 ou 15 dias após estar com o prazo completo".

O diretor do zoológico Juan Luis Malpartida apresenta o White King, o primeiro filhote de leão branco nascido na Espanha, na Reserva Mundial do Parque Guillena, em Sevilha, em 10 de junho de 2020.O filhote "nasceu grande", muito pesado no momento do parto. "Imagine quanto o animal passou mal, não sei nem como a leoa o pariu", explica este homem de 73 anos, que vive rodeado de animais desde criança.

Três dias depois de ver que não mamava na mãe porque ela "não estava dando conta", Malpartida lhe retirou o filhote, que disse estar "hipotérmico, hipoglicêmico, desidratado".

Hoje, no entanto, "é o primeiro dia em que o vejo com a cabeça erguida, tentando correr".

E a mãe? "Está muito calma", conta o diretor do parque.

"Queria se livrar do filhote, aquecer-se novamente e que o macho a cobrisse".

White King será uma das grandes atrações deste zoológico dotado de cerca de mil animais e que, após três meses fechado pelo coronavírus, reabrirá na quinta-feira.

A equipe do Mundo Park continuará cuidando do leãozinho e alimentando-o por enquanto, explica Malpartida.

"Quando virmos que podemos reintegrá-lo com os pais, o faremos. Embora seja um assunto delicado, porque mais tarde se tornará uma competição para o pai".

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação