Mundo

Explosão em escola religiosa mata nove adolescentes no Afeganistão

Os atentados acontecem em meio aos preparativos para iniciar negociações de paz entre o governo afegão e os insurgentes talibãs

Agência France-Presse
postado em 18/06/2020 08:44
Policiais afegãos ficam de guarda enquanto esperam que os bombeiros do comitê de emergência do governo cheguem a pulverizar desinfetante nas ruas como uma medida preventiva contra a propagação do coronavírus COVID-19, em Cabul, em 18 de junho de 2020.Ao menos nove adolescentes morreram na explosão de uma bomba em uma escola corânica da província de Tahar, norte do Afeganistão, indicaram nesta quinta-feira fontes policiais à AFP.

O porta-voz da polícia local, Khalil Asir, afirmou que as vítimas eram quase todas menores de 18 anos.

Seis estudantes ficaram feridos no ataque, que aconteceu no distrito de Ishkamish da província de Tahar.

Este é o mais recente de uma série de atentados no país.

Quatro pessoas morreram na explosão de uma bomba em uma mesquita em Cabul na sexta-feira passada. Outra explosão em uma mesquita da Zona Verde, área de alta segurança da capital afegã, matou duas pessoas, incluindo um imã importante.

Os atentados acontecem em meio aos preparativos para iniciar negociações de paz entre o governo afegão e os insurgentes talibãs, que pretendem acabar com quase duas décadas de conflito no país.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação