Mundo

Trump chama de 'ridícula' decisão de Harvard de manter ensino remoto

Trump, em plena campanha de reeleição para as eleições de novembro, promove a reabertura do país, mesmo com o aumento do número de infecções, principalmente no sul e oeste

Agência France-Presse
postado em 07/07/2020 21:37
 (foto: CHIP SOMODEVILLA / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP)
(foto: CHIP SOMODEVILLA / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP)
Trump, em plena campanha de reeleição para as eleições de novembro, promove a reabertura do país, mesmo com o aumento do número de infecções, principalmente no sul e oesteO presidente americano, Donald Trump, chamou nesta terça-feira de "ridícula" a decisão da Universidade de Harvard de ministrar seus cursos de forma virtual no outono devido à pandemia.

"Acho ridículo, uma saída fácil. E acho que deveriam se envergonhar", disse Trump durante mesa-redonda na Casa Branca, convocando as escolas e universidades a reabrirem no próximo semestre.

Trump, em plena campanha de reeleição para as eleições de novembro, promove a reabertura do país, mesmo com o aumento do número de infecções, principalmente no sul e oeste. Ontem, seu governo avisou que não permitirá que estudantes estrangeiros permaneçam no país se todas as suas aulas forem ministradas remotamente.

Várias instituições buscam um modelo híbrido de ensino presencial e remoto, mas algumas, incluindo Harvard, informaram que todas as aulas serão ministradas pela internet. A renomada universidade, com sede em Cambridge, Massachusetts, indicou que 40% dos alunos poderão retornar ao campus, mas que as aulas serão à distância.

[SAIBAMAIS]Com mais de 130 mil mortes relacionadas ao novo coronavírus, os Estados Unidos são o país mais afetado pela pandemia.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação