Mundo

Obama condena ataque ao voto

postado em 31/07/2020 04:06



Durante discurso no funeral do congressista e líder dos direitos civis John Lewis, em Atlanta, o ex-presidente Barack Obama (foto) condenou a mobilização de forças federais por Donald Trump contra manifestantes, além de tentativas republicanas para reprimir os eleitores. ;Hoje nós testemunhamos, com nossos próprios olhos, policiais se ajoelhando no pescoço de americanos negros;, declarou Obama. ;Podemos testemunhar nosso governo federal enviando policiais para usar gás lacrimogêneo e cassetetes contra manifestantes pacíficos;, acrescentou. ;Enquanto estamos sentados aqui, há pessoas no poder que estão se esforçando ao máximo para desencorajar as pessoas a votar, fechando os locais de votação (...) e atacando nossos direitos de voto com uma precisão cirúrgica.; Além de Obama, discursaram no funeral os ex-presidentes Bill Clinton e George W. Bush.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação