Publicidade

Correio Braziliense

Amazonino desacelera na disputa em Manaus

Pesquisa Ibope na capital do Amazonas mostra que o ex-governador recuou 11 pontos percentuais, mas ainda tem 47% das intenções


postado em 19/09/2008 09:07 / atualizado em 19/09/2008 09:09

O ex-governador do Amazonas Amazonino Mendes (PTB) perdeu terreno na corrida pela Prefeitura de Manaus. O petebista despencou 11 pontos percentuais, mas permanece à frente das intenções de voto, com 47% da preferência do eleitorado. Em segundo e terceiro lugares aparecem Omar Aziz (PMN), que é vice-governador do estado, e o atual prefeito, Serafim Corrêa (PSB).

Divulgada nessa quinta-feira (18/09), a pesquisa traça um novo cenário das eleições amazonenses. Segundo os dados do mês passado, Amazonino liderava com folga — 58% das intenções de voto — e seus aliados projetavam vitória no primeiro turno. A coordenação de campanha do petebista trabalhava com a possibilidade de recuo, mas não na proporção apontada pela pesquisa.

É mais um problema para o ex-governador administrar. Desde o mês passado, tramita na Justiça Eleitoral uma tentativa de impugnar sua candidatura. Quem patrocina o pedido é Aziz, que acusa o acusa de não preencher a condição de elegibilidade por não ter pago, no prazo legal, multa de R$ 6 mil por propaganda irregular em 2006, quando concorreu ao governo do estado.

Esse entendimento é compartilhado pelo Ministério Público Eleitoral. No recurso analisado pelo TRE-AM, porém, prevaleceu a argumentação de Amazonino, segundo a qual a multa não teria sido paga por “erro cartorário do próprio Tribunal Regional Eleitoral (TRE)” e afirmava que não foi intimado das decisões e que não teve ciência da condenação. Cabe recurso dessa decisão.

Os números do Ibope apontam para uma indefinição sobre o nome de quem concorrerá com Amazonino num eventual segundo turno. Apesar do apoio do governador Eduardo Braga (PMDB), Omar Aziz avançou apenas quatro pontos percentuais nas intenções de voto em relação ao levantamento do início de agosto, chegando agora a 20%. Ganhou menos espaço que o prefeito Serafim Corrêa. O candidato do PSB saltou dos 8% para 14%, mesmo enfrentando um alto índice de rejeição, algo em torno de 40%, segundo um de seus aliados ouvidos pela reportagem.

A lista do Ibope traz ainda os candidatos Praciano (PT), com 9% da preferência do eleitorado, além de Bessa (PSol) e Luiz Navarro(PCB), que não alcançaram 1%. A pesquisa do Ibope ouviu 602 eleitores entre 14 e 16 de setembro e foi registrada no TRE-AM sob o número 021/2008. A margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos.

Ficha técnica

MANAUS

População - 1.709.010
Eleitores - 1.056.277
Candidatos a prefeito - 6
Orçamento da prefeitura - R$ 1,6 bilhão

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade