Publicidade

Correio Braziliense

Patrus: sou "candidatíssimo" ao governo de Minas Gerais


postado em 27/01/2010 12:32

O ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, afirmou que é “candidatíssimo” ao governo de Minas Gerais. Durante entrevista ao programa 3 a 1, da TV Brasil, ele afirmou que a corrida eleitoral, entretanto, vai depender “da vontade de outros”. O programa vai ao ar nesta quarta (27/1) às 23h.

“Quero governar Minas Gerais, me sinto preparado para isso, depois de seis anos no ministério. Gostaria de ser governador do meu estado, mas tenho que ter o apoio do meu partido, resgatar os nossos parceiros, forças políticas e sociais”, disse.

Patrus acrescentou que aposta em uma “aliança séria e ética” com o PMDB, "para que o partido seja tratado no nível que merece”. Sobre a pré-candidatura para o mesmo estado do ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel – também petista –, o ministro avalia que o que os separa é a “concepção do partido”.

“Sou militante do PT, acredito no projeto de ser um partido democrático”, disse.

Diante da escolha peemedebista em defender o nome do ministro das Comunicações, Hélio Costa, para o governo de Minas Gerais, Patrus afirmou que “ninguém é dono da verdade ou ganha a eleição sozinho” e que é preciso buscar alianças e “espaço de convergência” no cenário político.

Questionado se abriria mão da candidatura se essa fosse a vontade do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ministro disse apenas que esse pedido não foi feito e que não sabe se será. “Confio na liderança e no discernimento político dele. Estarei onde ele estiver.”

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade