Publicidade

Correio Braziliense

Adams será mantido a frente da AGU por Dilma


postado em 20/12/2010 21:28

Em 2009, Adams deixou o cargo de procurador-geral da Fazenda Nacional para assumir o primeiro posto da AGU(foto: Adauto Cruz/CB/D.A Press )
Em 2009, Adams deixou o cargo de procurador-geral da Fazenda Nacional para assumir o primeiro posto da AGU (foto: Adauto Cruz/CB/D.A Press )
Luís Inácio Adams será mantido pela presidenta Dilma Rousseff na chefia da Advocacia-Geral da União (AGU). Adams tomou posse na AGU em outubro de 2009, substituindo o atual ministro do Supremo, Antônio Dias Toffoli.

Natural de Porto Alegre, Adams tem 45 anos e entrou para a AGU como procurador da fazenda nacional em 1993, ano de criação do órgão. Atuou em diversos cargos, todos na Região Sul, até 2001, quando se mudou para Brasília para assumir como secretário-geral de Contencioso do Gabinete do Advogado-Geral da União.

Entre 2003 e 2006, Adams atuou no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão como consultor e depois como secretário executivo adjunto.

Em 2006, assumiu o cargo de procurador-geral da Fazenda Nacional, deixando a função apenas em outubro de 2009, para assumir o primeiro posto da AGU. Em agosto do mesmo ano, Adams havia ganhado a simpatia do Governo Federal ao liderar a defesa de uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a vigência do crédito-prêmio do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). A vitória da União evitou gastos que poderiam chegar a R$ 290 bilhões.

  • Tags
  • #
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade