Publicidade

Estado de Minas

Senadores receberão novo iPhone e linha para iPad para uso funcional


postado em 06/04/2011 07:00

O Senado prepara um pacote de mimos para os parlamentares que inclui iPhone 4, chip para usar internet no iPad e, no futuro, carros novos modelo Toyota Corolla Se-G fornecidos por meio de contrato de terceirização para substituir a frota de Fiat Marea que tem 10 anos de uso. De acordo com o primeiro-secretário da Casa, senador Cícero Lucena (PSDB-PB), a troca dos carros ainda está em estudo, mas, graças a permuta com empresa de telefonia celular, os senadores já estão recebendo um iPhone 4 para usar na linha funcional.

“Havia uma grande demanda. É muito mais barato passar uma mensagem do que fazer uma ligação. Se o senador quiser, ele devolve o aparelho antigo e recebe outro”, informou o primeiro-secretário. No fim do mês passado, o Senado lançou aplicativo para iPhone que permite que proprietários do aparelho acessem informações do portal da Casa. A versão do aplicativo, no entanto, é válida para o iPhone 4 e muitos dos senadores têm celular na versão 3GS.

Frota
De acordo com a Secretaria de Comunicação do Senado, os aparelhos não representarão custo para a Casa, pois o contrato com a operadora permitiu a troca dos telefones. O Senado tem contrato com a empresa desde 2007 e o acordo é prorrogado desde então, sem nova tomada de preços. Em 17 de fevereiro, a Casa renovou o contrato pelo valor anual de R$ 867 mil. Lucena afirma que a Casa ainda não distribuiu os chips de acesso à internet para que os senadores possam usar em seus iPads. O primeiro-secretário ressalta que o Senado não tem intenção de comprar tablets para os parlamentares, apenas disponibilizar o chip.

Já a renovação da frota é fruto de discussão da subcomissão que discute a reforma administrativa do Senado. Os parlamentares reclamaram da situação dos carros oficiais, que rodam desde 2001. A área administrativa faz levantamento dos custos de manutenção de motoristas terceirizados e funcionários responsáveis por cuidar da frota. A conclusão da Casa é que contratar empresa, em sistema de aluguel, para fornecer os veículos e motoristas, pode sair mais barato do que comprar carros novos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade