Publicidade

Estado de Minas

Gleisi Hoffmann com nova tarefa


postado em 13/06/2011 07:20 / atualizado em 13/06/2011 07:19

Sem a tarefa prioritária de tocar a coordenação política do Palácio do Planalto nem ter a responsabilidade pela gestão do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, receberá da presidente Dilma Rousseff a responsabilidade de articular as diversas iniciativas que envolvem o Brasil sem Miséria, principal bandeira social do governo.

O Brasil sem Miséria, que está na fase de parcerias com os estados, continua sob responsabilidade do Ministério do Desenvolvimento Social, chefiado por Tereza Campelo. A pasta continua protagonista do programa com a responsabilidade de medir a efetividade e a exata aplicação dos recursos, sobretudo buscar cadastrar famílias miseráveis que ainda não são beneficiadas pelo Bolsa Família.

A Casa Civil ficará com a tarefa de fazer as diversas ações do Brasil sem Miséria conversarem entre si. Entre os programas, estão o próprio Bolsa Família, o Saúde da Família, o Brasil Sorridente, o Mais Educação, o Rede Cegonha, o Brasil Alfabetizado e o Previdência Rural. Além disso, existem metas de acabar com residências sem acesso à luz. O governo tinha estabelecido a universalização da energia elétrica em dezembro de 2010, mas, sem sucesso, decidiu ampliar o prazo.

Com isso, Gleisi servirá de ponte entre os diversos ministérios que tocam as ações do Brasil sem Miséria, cobrando metas e resultados. A presidente Dilma fez esse trabalho com o PAC quando era ministra do governo Lula. Antonio Palocci deveria ter exercido essa tarefa, mas acabou sendo engolido pelas negociações políticas do Congresso. Coube a ele, por exemplo, fazer todas as conversas sobre o Código Florestal que acabou aprovado na Câmara com uma emenda que anistia desmatadores. Apesar de ser a nova gerente do governo, Gleisi colocou como meta aprovar o Código Florestal no Senado sem essa proposta. (TP)

  • Tags
  • #
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade