Publicidade

Estado de Minas

Governo Dilma é aprovado por 40% dos eleitores, diz Ibope


postado em 17/12/2014 11:24 / atualizado em 17/12/2014 11:42

Pesquisa Ibope, encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e divulgada nesta quarta-feira (17/12), mostra que o governo Dilma Rousseff é aprovado por 40% dos eleitores. O percentual leva em consideração entrevistados que avaliaram a gestão como "ótima" ou "boa".


A aprovação do governo se manteve estável, de acordo com a margem de erro. Na pesquisa anterior, divulgada em setembro de 2014, era de 38%.

Foram entrevistadas 2.002 pessoas em 142 municípios, entre 5 e 8 de dezembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais e o grau de confiança, 95%.

Leia mais notícias em Política

Também subiu o nível de confiança na presidente. Na última pesquisa, divulgada em setembro, 45% dos eleitores responderam que confiavam na petista. Agora, o índice cresceu para 51%. A aprovação na maneira que Dilma governa o país subiu de 48% para 52%.


A pesquisa mostra, entretanto, que a presidente não conseguiu recuperar os índices de aprovação anteriores aos protestos de junho de 2013. Em março de 2013, o Ibope mostrou que ela tinha 79% de aprovação. Foi o maior índice alcançado pela petista.

Entre os entrevistados, 31% citaram a Operação Lava-Jato como a notícia que mais lembravam. A prisão dos ex-diretores da Petrobras Paulo Roberto Costa e Renato Duque foi citada por 19% dos eleitores. E 8% disse que se lembrava mais do aumento da inflação.

Sobre os aspectos negativos do governo Dilma, 30% responderam que houve pouco investimento na área de saúde, 26% citaram a falta de combate à corrupção. Entre os aspectos positivos, 24% citaram combate à fome a à pobreza e 17% investimentos em programas sociais.

 



Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade