Publicidade

Estado de Minas

Protestos no Brasil repercurtem no exterior

Imprensa dos Estados Unidos, da Inglaterra e da França dão destaque para a manifestação que levou mais de um milhão de pessoas para as ruas contra a presidente Dilma


postado em 15/03/2015 17:42 / atualizado em 15/03/2015 18:30

As manifestações nas principais capitais brasileiras contra a presidente Dilma Rousseff e que levaram mais de um milhão de pessoas às ruas neste domingo (15/03) tiveram repercussão internacional.

Os sites da rede britânica BBC e do jornal norte-americano The Wall Street Journal deram destaques para o protesto na primeira página.

Site da rede de notícias britânica BBC deu destaque na primeira página(foto: Reprodução)
Site da rede de notícias britânica BBC deu destaque na primeira página (foto: Reprodução)


A matéria da BBC sobre o movimento enfatizou que as milhares de pessoas que foram às ruas pedindo o impeachment da governante e que a cidade de São Paulo abrigou o maior de todos os protestos.

O diário britânico The Guardian também fez uma matéria sobre as manifestações em várias cidades brasileiras, citando que milhares de pessoas pediam o impeachment de Dilma. O artigo do jornal ainda citava pessoas afirmando que não queriam que o país se transformasse em uma Venezuela.

Diário britânico The Guardian noticiou que brasileiros diziam que não queriam que o país virasse uma Venezuela(foto: Reprodução)
Diário britânico The Guardian noticiou que brasileiros diziam que não queriam que o país virasse uma Venezuela (foto: Reprodução)


A chamada do The Wall Street Journal deu destaque para o fato de mais de um milhão de pessoas foram para as ruas em, no mínimo, 11 capitais e dezenas de cidades menores em todo o país demonstrando frustração com o governo da presidente Dilma.

Jornal norte-americano fez chamada na capa sobre as manifestações contra a presidente Dilma(foto: Reprodução)
Jornal norte-americano fez chamada na capa sobre as manifestações contra a presidente Dilma (foto: Reprodução)


O jornal francês Le Figaro também fez uma manchete citando que havia mais de um milhão de manifestantes em São Paulo.

Site do jornal francês Le Figaro destacou os manifestantes de São Paulo(foto: Reprodução)
Site do jornal francês Le Figaro destacou os manifestantes de São Paulo (foto: Reprodução)


Algumas cidades no exterior tiveram protestos como na Austrália e na Inglaterra. Em Londres, por exemplo, nem o frio atrapalhou. Cerca de 100 pessoas empunharam cartazes e fizeram barulho em frente à embaixada brasileira por três horas sob um frio de 7 graus e sensação térmica de 4 graus. Nos Estados Unidos, 100 manifestantes se reuniram na Union Square, em Nova York.

 

Site da revista Spiegel mostra os atos no Rio de Janeiro(foto: Reprodução)
Site da revista Spiegel mostra os atos no Rio de Janeiro (foto: Reprodução)

 

O jornal alemão Der Spiegel trouxe o título "Brasil: centenas de milhares vão às ruas para protestar contra o governo", ilustrado por uma foto dos atos. No texto, o jornal descreve os eventos nas principais cidades brasileiras e atribui as manifestações à crise econômica e ao escândalo de corrupção da Petrobras. 

 

Site da BBC deu destaque aos protestos brasileiros
Site da BBC deu destaque aos protestos brasileiros

 

As manifestações do Brasil foram manchete no site da empresa britânica de notícias BBC neste domingo. O título “Grandes protestos contra a presidente do Brasil” é ilustrado por uma foto de uma brasileira vestida de verde e amarelo, enrolada na bandeira do Brasil, com o braço direito estendido em sinal de protesto. A notícia dá ênfase ao escândalo de corrupção da Petrobras como o fator gerador dos protestos.

 

*Com informações da Agência Brasil 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade