Publicidade

Correio Braziliense

Homem agredido em frente ao Instituto Lula sofreu traumatismo craniano

Ele fazia parte de um pequeno grupo de pessoas que se manifestava a favor da prisão de Lula na noite de quinta


postado em 06/04/2018 10:38

Ele bateu a cabeça na caçamba de um caminhão, ficou um tempo desacordado e depois se dirigiu ao hospital em frente ao prédio(foto: Miguel Schincariol/AFP)
Ele bateu a cabeça na caçamba de um caminhão, ficou um tempo desacordado e depois se dirigiu ao hospital em frente ao prédio (foto: Miguel Schincariol/AFP)
 
O homem que se envolveu em uma confusão em frente ao Instituto Lula, na noite dessa quinta-feira (5/4) sofreu traumatismo craniano e está internado. As informações são do boletim médico do Hospital São Camilo, localizado em frente ao escritório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva - e onde o manifestante foi hospitalizado.

De acordo com o hospital, ainda na quinta-feira, o rapaz, que não teve o nome divulgado, passou por exames que constataram o quadro de traumatismo craniano. Ele foi então submetido a "intervenções cirúrgicas", e não há previsão de alta ou informações sobre o seu estado de saúde, afirma o São Camilo.

O homem fazia parte de um pequeno grupo de pessoas que se manifestava a favor da prisão de Lula na noite de quinta. Segundo relatos, ele gritou palavrões quando o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) e Márcio Macedo, um dos vice-presidentes do partido, entraram no Instituto Lula. 

A provocação deu início a uma confusão com manifestantes pró-Lula e, em meio a isso, ele bateu a cabeça na caçamba de um caminhão, ficou um tempo desacordado e depois se dirigiu ao hospital em frente ao prédio.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade