Publicidade

Correio Braziliense

Toffoli ganha R$ 100 mil de mesada, diz site

Segundo revista digital, repasses são oriundos da conta da esposa do ministro, a advogada Roberta Maria Rangel


postado em 28/07/2018 10:53

Desde 2015 Dias Toffoli teria recebido R$ 4,5 milhões da conta da esposa para uma outra conta mantida por eles dois(foto: Nelson Jr./SCO/STF)
Desde 2015 Dias Toffoli teria recebido R$ 4,5 milhões da conta da esposa para uma outra conta mantida por eles dois (foto: Nelson Jr./SCO/STF)

 
A edição desta semana da revista digital Crusoé afirma que o ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), recebe uma mesada de R$ 100 mil de sua mulher, a advogada Roberta Maria Rangel. Os repasses, segundo a reportagem, saem de uma conta de Roberta no banco Itaú com destino a outra mantida em nome do casal no banco Mercantil do Brasil.

Os repasses, de acordo com a publicação, foram realizados ao menos desde 2015 e somam R$ 4,5 milhões. Dos R$ 100 mil mensais depositados pela mulher de Toffoli, diz a revista, metade (R$ 50 mil) é transferida para a ex-mulher do ministro, Mônica Ortega, e o restante é utilizado para custear suas despesas pessoais. Ainda segundo a reportagem, a conta é operada por um funcionário do gabinete de Toffoli.

A revista revela que, em 2015, a área técnica do Mercantil encontrou indícios de lavagem de dinheiro nas transações efetuadas na conta do ministro, mas a diretoria do banco ordenou que as informações não fossem encaminhadas para o Coaf, órgão de inteligência financeira do Brasil. Todos os bancos são obrigados a comunicar ao Coaf transações suspeitas de lavagem de dinheiro. O ministro Dias Toffoli não se manifestou sobre o caso. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade