Publicidade

Correio Braziliense

O que diz o mapa astral dos principais concorrentes à Presidência?

A pedido do Correio, astróloga estuda presidenciáveis e descobre surpresas, como perfis parecidos de candidatos com perfil ideológico opostos


postado em 29/07/2018 08:00 / atualizado em 29/07/2018 08:15

(foto: CB/D.A Press)
(foto: CB/D.A Press)

A partir de 16 de agosto, os candidatos à Presidência da República vão invadir as televisões e os rádios, com promessas e declarações de feitos passados. Nesta época de pré-campanha, o eleitor quer conhecer mais os políticos que pleiteiam a vaga ao Planalto. Mas, a personalidade, as ambições e os interesses privados não vêm à tona. Para conhecer melhor o perfil daqueles que querem assumir o principal cargo do Executivo, é necessário ir além: para alguns, é preciso ouvir os astros.

O Correio procurou uma astróloga para entender o que o perfil dos presidenciáveis pode dizer sobre aquele que comandará o Brasil no ano que vem. O chamado “mapa astral” detalha a posição dos astros na hora do nascimento, e, com isso, é possível descobrir características da personalidade de cada um.

De acordo com a ex-diretora de comunicação do sindicato dos Astrólogos do Rio de Janeiro (Sinarj) Fernanda Santa Roza, os astros podem unir até mesmo quem não tem nenhuma ideologia em comum. Como é o caso de Geraldo Alckmin (PSDB), Ciro Gomes (PDT) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) que, apesar de não concordarem nos principais modos de conduzir o país e a política, convergem de outras maneiras, como é o caso de os três dividirem um signo solar: escorpião. É essa marca, entre outras coisas, que representa o poder.

Outras características, como oratória, capacidade de resolver conflitos e talento para argumentação, também estão presentes em muitas qualidades dos presidenciáveis. Do outro lado, já é possível encontrar vaidade, ego, e, em alguns casos, impulsividade. “O mapa é uma foto do céu em que a gente analisa qualidade de um tempo e interpreta a natureza de um perfil. Um mapa é tão complexo e singular quanto é o ser humano”, explicou Fernanda.

Para traçar o perfil sucinto de cada pessoa, a astróloga usou os principais componentes do mapa: o sol, ascendente, e a lua. O primeiro “é a luz da razão, a forma como se enxerga a vida”, explicou. Já o ascendente é a maneira como a pessoa se mostra ao mundo. “Representa nossas aspirações para todas as áreas da vida”, disse Fernanda. No último caso, a lua é o “público”, família, moradia, e a forma como lidamos com as emoções.

As informações pessoais de cada candidato foram obtidas por meio público e pelas assessorias de comunicação de cada presidenciável. No caso de Marina Silva (Rede), a assessoria informou que “não seria possível” informar os dados, pois não há certeza sobre o horário no registro. Para esse tipo de caso, a astróloga usou outra técnica de interpretação, que não necessariamente precisa do horário do nascimento. O método também foi usado no caso da pré-candidata pelo PCdoB, Manuela D´ávila, já que a assessoria não respondeu à reportagem até o fechamento desta edição.

Álvaro Dias

O Sol em Sagitário é atento aos conhecimentos mais elevados. Tem relação importante com o otimismo e a fé na vida. O ascendente em Escorpião, regido por Plutão em Leão na casa 10, em harmonia com o Sol, demonstra ambição de ser reconhecido como alguém de notório saber, que tem visão profunda sobre assuntos relevantes. Encontramos traços de vaidade. Plutão, regente do ascendente Escorpião, está na casa 10, a da carreira e do governo. O ascendente transfere a imagem de alguém poderoso e ambicioso, e que, de muitas formas, guarda seus mistérios. Encontra na família parcerias e desafios. Tem amigos protetores e tende a ser meticuloso para as questões financeiras com a Lua em Virgem e Mercúrio em Capricórnio na casa de bens materiais.

Ciro Gomes

O ascendente em Capricórnio não gosta de ser chamado a atenção de nenhuma forma e preza o controle. O Sol em Escorpião transfere a ele magnetismo, senso estratégico e um olhar mais profundo sobre tudo. Aliado ao ascendente, o Sol ambiciona ser reconhecido com o mais austero e acredita que ninguém será mais correto que ele nem fará tão bem feito quanto ele, por sua capacidade de enxergar o que está errado. Sabe que sacrifício significa ofício sagrado. É o mapa de alguém que tem disciplina e determinação, ainda que, às vezes, a motivação precise vir dos seus relacionamentos pessoais e parcerias. Na relação harmoniosa entre Vênus, Lua e Plutão, têm uma boa relação com a vida afetiva, financeira e com as mulheres. Está vocacionado para a política desde a origem.

Geraldo Alckmin

Graças ao ascendente em Leão, pode transparecer a imagem de líder, como um rei que ambiciona a majestade. É percebido como alguém poderoso pela presença de Plutão, regente de Escorpião, na linha do ascendente. É alguém que conhece bem "seus vizinhos". Tem muito senso estratégico e capacidade de articulação. Com alto nível de perfeccionismo, pode ser convencido de que ninguém fará melhor que ele um determinado trabalho. Com a presença de Marte (nossa força de luta), exaltado no signo de Capricórnio, tem muito prazer em trabalhar. Marte em oposição à Lua pode fazer com que tenha motivação e humor flutuantes, tornando-se às vezes um tanto irritadiço. Um dos desafios desse mapa está nas parcerias que forma ou tende a formar.

Guilherme Boulos

O Sol geminiano indica que o candidato é dotado de inteligência, com habilidade para se comunicar, negociar e compor com oponentes. Sabe andar no "luxo e no lixo" com a mesma desenvoltura. A Lua em Touro, regente da casa quatro, indica que é sensível às questões relativas a família, moradia e alimentação. Pode ser um pouco glutão. Tem inteligência para lidar com a vida material, muito embora isso possa representar um constante dilema nesse mapa. O Sol em harmonia com Plutão em Libra transfere a ele a imagem de alguém poderoso pelo senso de justiça. Marte, responsável por nossa força de trabalho, está no signo de Libra. Essa é a característica de alguém que luta por amor a uma causa. O ascendente em Áries projeta a imagem de alguém que não foge de um debate.

Henrique Meirelles

O Sol em Virgem, regido por Mercúrio em Leão, transfere ao candidato uma memória espetacular, uma mente clara e reta. Com Sol na casa 10, a casa do governo, tem facilidade em ocupar cargos de liderança desde a juventude. O ascendente em Sagitário forma a imagem de alguém que tem sorte e notório saber. A Lua em Gêmeos faz com que tenha extrema facilidade em lidar com públicos, com números, cálculos e textos. Além de trazer habilidade para negociar. A conjunção de Marte, a força de trabalho, com a Lua, sensibiliza o candidato a trabalhar muito. Vênus em Leão e Júpiter em Libra, somados ao ascendente em Sagitário, demonstram que é alguém com grande senso de justiça. Prefere trabalhar às claras e agir de forma correta, porque tem certeza de que todos podem ser pegos por um detalhe.

Jair Bolsonaro

O Sol em Áries transfere ao candidato coragem, iniciativa, espírito de luta e alguma impulsividade. O ascendente em Câncer regido pela Lua Aquariana faz com que, de muitas maneiras, transfira a imagem de alguém que oscila entre o futuro e o passado, que pode apresentar um desafio com a diversidade e a imagem social, e que sempre pode surpreender. É o mapa de alguém de quem podemos esperar o inesperado. Pode ser constantemente desafiado a reprimir impulsos, controlar os desejos e a vida financeira de seus parceiros. O aspecto desafiador entre Plutão e Saturno no mapa apresenta um traço de radicalidade e o espírito de “doa a quem doer”. A família pode representar um desafio importante nesse mapa, assim como a relação com hierarquia e autoridade.

Lula

Nasceu com o Sol na casa 12, a casa dos políticos, de quem dá atenção às questões sociais. Ainda que Escorpião seja misterioso, com Sol e ascendente no mesmo signo, aparenta ser quem realmente é, com grande senso estratégico, magnetismo e inteligência emocional para lidar com situações de crise ou sofrimento. É o mapa de alguém que está vocacionado para a política desde o início. A Lua em Câncer na casa nove transfere facilidade para conquistar popularidade e um sentido de que o povo é extensão da própria família. É mestre em criar convergência de interesses. Sabe se colocar no lugar do outro e entender os seus desejos. É o mapa de um romântico. Em função da relação harmoniosa entre Júpiter e Urano, é altamente criativo. O desafio: lidar com o tempo.

Manuela D'Ávila

Como não nos foi informada a hora de nascimento, não temos como calcular o ascendente da candidata. Desta forma, foi adotada a técnica de leitura do mapa a partir do grau zero do signo solar. O Sol em Leão é vigoroso, tem facilidade em ser identificado como líder e tende a agir de modo solar, ou seja, a fazer tudo à luz do dia, às claras. A motivação para o trabalho social pode vir da família ou por experiências vividas na infância. A Lua em Peixes é intuitiva e sensível às questões humanitárias. A Lua em Áries é combativa e corajosa. A Lua forma uma oposição no mapa da candidata, o que pode ser interpretado como um traço de insatisfação. Com Mercúrio no signo de Virgem, é detalhista. É uma indicação de que é alguém que sempre procura melhorar o que está fazendo.

Marina Silva

Como não foi possível registrar a hora de nascimento, utilizou-se a técnica de leitura do mapa a partir do grau zero do signo solar. A candidata tem Sol, Mercúrio e Vênus no signo de Aquário, indicando ser alguém que nasceu no futuro ou que nasceu para iluminar o futuro das pessoas no seu entorno. Regido por Urano, Aquário é o signo dos visionários, das pessoas livres e independentes, daquelas que só fazem o que faz sentido para elas e que, de muitas formas, são radicais e incompreendidas. De natureza humanitária e altruísta, são pessoas mais livres. O desafio entre Mercúrio e Júpiter demonstra a busca compulsiva por conhecimento e os desafios com excessos e radicalidades em suas comunicações e relações de troca, ou dificuldade em fazer concessões.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade