Publicidade

Correio Braziliense

TSE aceita registro da candidata do PSTU à Presidência da República

Vera Lúcia é primeira candidata a ter o registro aprovado nessas eleições


postado em 21/08/2018 20:51

(foto: Romerito Pontes/Agência Brasil)
(foto: Romerito Pontes/Agência Brasil)

Por unanimidade, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) validou hoje (21/8) o pedido de registro de candidatura de Vera Lúcia, do PSTU, à Presidência da República nas eleições de outubro. O candidato a vice-presidente será Hertz Dias, do mesmo partido. É o primeiro registro aprovado entre os 13 postulantes ao Palácio do Planalto.

Com uma chapa "puro-sangue", o PSTU não fez aliança para a eleição presidencial. Operária da indústria calçadista, com trajetória no movimento sindical e popular, Vera Lúcia, de 50 anos, nasceu no sertão pernambucano e se mudou ainda criança para Aracaju, com a família, fugindo da seca.

Na capital sergipana, trabalhou como garçonete e datilógrafa antes de conseguir um emprego na fábrica de calçados Azaleia, onde iniciou a militância sindical. É formada em ciências sociais pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e se dedica atualmente à formação política de ativistas. A candidata declarou patrimônio de R$ 20 mil.

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 7 de outubro. De acordo com o TSE, mais de 27,6 mil candidatos a presidente, governador, senador e deputado federal, estadual e distrital vão disputar os votos de 147,3 milhões de eleitores brasileiros. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade