Publicidade

Correio Braziliense

Bolsonaro está consciente que esteve muito perto de morrer, diz seu filho

Eduardo Bolsonaro disse que o pai está "um pouco anêmico, fraco, não está 100%, mas está se recuperando"


postado em 09/09/2018 16:10 / atualizado em 09/09/2018 16:19

Bolsonaro está na UTI do Albert Einstein e apenas familiares podem visitar(foto: Raysa Leite/AFP)
Bolsonaro está na UTI do Albert Einstein e apenas familiares podem visitar (foto: Raysa Leite/AFP)
O filho do candidato à presidência, Jair Bolsonaro (PSL), Eduardo Bolsonaro, disse neste domingo (9/9) à imprensa que seu pai está consciente de que esteve muito perto da morte e afirmou que tentaram assassinar Bolsonaro por ele ter chances reais de vencer as eleições.

Eduardo disse que o pai está "um pouco anêmico, fraco, não está 100%, mas está se recuperando". Com a ajuda de um andador, Bolsonaro caminhou hoje, disse seu filho. "Ele está evoluindo bem, mas a recuperação vai demorar algum tempo."

O presidenciável está "muito curioso" para saber o que anda acontecendo fora do hospital, disse Eduardo. "Mostramos um vídeo ou outro pra ele." Eduardo disse que vai perguntar aos médicos se autorizam o candidato a assistir o debate presidencial na noite de hoje, promovido pela TV Gazeta e o Grupo Estado.

"Ele sabe que esteve muito perto de morrer", disse Eduardo, ressaltando que ainda não há previsão para que Bolsonaro saia da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Albert Einstein.

Eduardo Bolsonaro disse que o homem que atacou o presidenciável tinha um viés "marxista, esquerdista", por ter sido filiado ao Psol. "Ele tentou matar Jair Bolsonaro por entender que ele é uma pessoa que não pode chegar à presidência da República. Caracteriza notoriamente um crime político."

Bolsonaro está na UTI do Albert Einstein e o hospital informou ontem que apenas familiares podem visitar o presidenciável.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade