Publicidade

Correio Braziliense

Artigo: 'Sobre gente e sobre voto'

A decisão mais importante, talvez, não seja exatamente 'em quem' votar, mas 'por quem' votar


postado em 16/09/2018 12:27 / atualizado em 16/09/2018 12:35

(foto: Kleber Sales/CB/D.A Press)
(foto: Kleber Sales/CB/D.A Press)
 
O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) global, divulgado no fim da semana passada, pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), não é só um número, uma posição, uma triste condição. É um argumento. Estamos estagnados no 79º lugar do ranking. Perdemos para 110 países, muitos de nossos vizinhos latinos, daqueles que julgamos inferiores e problemáticos. É ou não um bom motivo para você, que está aí sentadinho sobre sua própria indecisão, basear seu voto no interesse coletivo?

Todos os dias, a realidade dá um banho em nossas fantasias de país maravilhoso, cheio de oportunidades. Joga na nossa cara a violência desmedida, a pobreza extrema, a desigualdade, o preconceito. Estamos escolhendo candidatos a nos representar neste momento. Podemos apontar o dedo na direção deles guiados apenas por nossas mesquinhas ansiedades. Ou podemos eleger pessoas visando o bem-estar geral para crescer como país que, um dia, possa nos trazer de volta a possibilidade de sonhar.

A mais recente pesquisa encomendada pelo Correio ao Instituto Opinião Política mostrou que quase 147 mil dos 2 milhões de eleitores não sabem em quem votar. Se você é um deles, saiba que a decisão mais importante, talvez, não seja exatamente “em quem” votar, mas “por quem” votar. Pensar apenas em si próprio ou, ao menos uma vez, deixar-se guiar também pelo outro, pelo sentimento de empatia, pelo país?

Aqui, no Correio Braziliense, continuamos com nossa missão de ajudar nossos leitores a escolher. Um novo debate entre os candidatos ao governo local está programado para 3 de outubro, exibido pela TV Brasília, com cobertura multimídia ao vivo pelas redes sociais. Também estamos fazendo uma nova rodada de entrevistas com os candidatos, de segunda a quarta, às 13h30, transmitida pela TV Brasília e pelos canais do Correio. Concorrentes ao Senado e os vices também serão sabatinados. Tudo para te ajudar a avaliar e, de certa forma, a evoluir.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade