Publicidade

Correio Braziliense

Em debate, Daciolo 'rouba' bordão de Ciro: 'A democracia é uma delícia'

O candidato do Patriota utiliza a frase, usada por Ciro Gomes em debate anterior, para criticar o próprio Ciro


postado em 26/09/2018 19:15

Cabo Daciolo, candidato à Presidência pelo Podemos(foto: AFP)
Cabo Daciolo, candidato à Presidência pelo Podemos (foto: AFP)
Ao participar de debate entre candidatos a presidente da República, na tarde desta quarta-feira (26/9), o candidato do Patriota, Cabo Daciolo, recuperou uma frase que Ciro Gomes (PDT) dirigiu a ele em debate anterior — "A democracia é um delícia" — para criticar adversários, incluindo o próprio Ciro.

A frase foi utilizada pela primeira vez pelo ex-governador do Ceará em debate da Rede Bandeirantes em 9 de agosto passado. Em um bloco em que os candidatos faziam perguntas uns aos outros, Daciolo escolheu Ciro e disparou: "O senhor é um dos fundadores do Foro de São Paulo. O que o senhor pode falar aqui para a população brasileira sobre o plano Ursal? O que o senhor tem para dizer?", questionou. 

Diante de uma cara surpresa do pedetista, acrescentou: "O plano Ursal. União da República Socialista Latino-americana. Tem algo a dizer para a Nação brasileira?". Ciro disse desconhecer o plano e, após uma réplica de Daciolo, encerrou o assunto com um tom irônico. "Democracia é uma delícia, é uma beleza, mas ela tem certos custos", afirmou.

Nesta quarta-feira, Daciolo escolheu Ciro para dirigir uma pergunta sobre as propostas do pedetista para a área da saúde. Depois de ouvir a resposta, o cabo do Corpo de Bombeiros disse na sua réplica: "A democracia é uma delícia. O senhor ficou doente e foi para o Sírio Libanês. Por que o senhor não foi para o hospital público?", referindo-se ao problema de saúde que levou o pedetista ao hospital na terça-feira (25/9). Após a provocação, Ciro respondeu que não faria demogagia porque fazia parte dos 20% da população que pode pagar um plano de saúde.

Daciolo voltou a usar o "bordão" criado por Ciro ao responder uma pergunta de Henrique Meirelles (MDB), a respeito de propostas para reduzir a pobreza. "Democracia é muito boa mesmo. A democracia é uma delícia. Estamos diante da pergunta de um banqueiro para um cabo do Corpo de Bombeiros".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade