Publicidade

Correio Braziliense

Manifestação da FPA a favor de Bolsonaro foi 'desrespeitosa', diz Alckmin

Tucano disse que deputados e senadores da frente não foram consultados e que a manifestação foi um ato "individual e extemporâneo"


postado em 02/10/2018 17:01 / atualizado em 02/10/2018 17:05

(foto: Mauro Pimentel/AFP)
(foto: Mauro Pimentel/AFP)

O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, criticou a manifestação de apoio dada hoje pela Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) a seu adversário, Jair Bolsonaro (PSL). O tucano disse que deputados e senadores da frente não foram consultados e que a manifestação foi um ato "individual e extemporâneo".

"A manifestação da FPA foi até desrespeitosa. Eu também sou agricultor e não fui consultado. Deputados e senadores não foram consultados. Quem eles consultaram?", indagou Alckmin, que participou de um encontro de lideranças convocado pela União Geral dos Trabalhadores (UGT), na capital paulista.

Com 210 deputados e 26 senadores, muitos deles oriundos de partidos do Centrão, como a presidente, deputada Tereza Cristina (DEM-MS), a FPA é um grupo forte dentro do Congresso. Em carta publicada na página da FPA, a parlamentar diz que a decisão "atende ao clamor do setor produtivo nacional, de empreendedores individuais aos pequenos agricultores e representantes dos grandes negócios".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade