Publicidade

Correio Braziliense

TSE nega pedido de Cabo Daciolo para participar de debate da Globo

Programa será transmitido na noite desta quinta-feira e terá a participação dos primeiros colocados nas pesquisas


postado em 04/10/2018 20:34 / atualizado em 04/10/2018 20:37

(foto: Reprodução/Internet)
(foto: Reprodução/Internet)
 

O candidato a presidente pelo Patriota, Cabo Daciolo, está fora do debate da noite desta quinta-feira na TV Globo. O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Carlos Horbach, negou o pedido do candidato para participar do programa. 

 

No recurso, a defesa do candidato alegou que ele teria direito à participação porque o partido tem cinco parlamentares no Congresso Nacional – requisito estabelecido pela lei eleitoral para a inclusão obrigatória em debates. 

 

No entanto, como um dos cinco parlamentares é suplente – assumiu o mandato de deputado federal em janeiro do ano passado –, o magistrado entendeu que ele “não tem a condição de mandatário” resultante da eleição. 

 

“Assim, não pode ser computado para os fins específicos do art. 46 da Lei das Eleições, na forma da jurisprudência do Tribunal Superior Eleitoral", argumentou o ministro ao indeferir o pedido.

 

No twitter, o candidato reclamou de não ter sido convidado para o debate e avisou que havia recorrido ao TSE contra “o boicote da Globo”. “O propósito está nas mãos de Deus”, escreveu.  

 

Na rede social, foi criada a hashtag #DacioloNaGlobo, com vários tuítes contra a ausência do candidato no debate. Daciolo chamou a atenção nos programas anteriores pela espontaneidade e religiosidade. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade