Publicidade

Correio Braziliense

Temer: eleições ocorrem com tranquilidade e inauguram 'pacificação'

Presidente reconhece que redes sociais 'alardeiam falsidades'


postado em 07/10/2018 17:54

(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
O presidente da República, Michel Temer, disse hoje (7/10), em Brasília, que a “tranquilidade” com que as eleições estão transcorrendo em todo o país pode “inaugurar uma pacificação” nacional.

“Acho que, hoje, estamos dando um exemplo daquilo que poucos imaginavam que poderia acontecer. Ou seja, o dia do pleito é o dia inaugural de uma pacificação, de uma harmonia extraordinária no país”, disse Temer ao visitar o Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), onde as ações de segurança pública de vários órgãos públicos são monitoradas, como parte da Operação Eleições 2018.

Segundo o último balanço divulgado pelo Ministério da Segurança Pública, entre o último dia 4, quando a chamada Operação Eleições 2018 começou, e as 17 horas de hoje, foram registradas 1.848 ocorrências e 500 prisões. A maioria por boca de urna; compra de votos; propaganda e transporte irregular de eleitores. 

Para o presidente, o clima, nas ruas, é de tranquilidade. No entanto, ele reconheceu que, nas redes sociais, “se alardeiam muitas falsidades”. 

Perguntado sobre o desempenho do candidato de seu partido, Temer disse que Henrique Meirelles (PMDB) fez “um papel muito bonito, muito interessante”. Para o presidente, “o fato de [um candidato] ter ou não ter votos é assim mesmo”. “Winston Churchill ganhou a 2ª Guerra e não ganhou a eleição”, acrescentou o presidente, evitando antecipar resultados. “Vou esperar até após as 19 horas. Estarei no Alvorada e convidei [alguns membros da equipe de governo e apoiadores] para, se quiserem, ir até lá e avaliarmos e discutirmos o resultado. Acho que, mais que nunca, vale a pena discutir o Brasil de hoje”.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade