Publicidade

Correio Braziliense

José Serra segue FHC e diz que não apoia nem PT nem Bolsonaro

Nesta terça-feira, 9, a executiva nacional do PSDB, que é presidida por Alckmin, se reúne às 15 horas, em Brasília, para decidir, entre outras coisas, sobre se irá se posicionar no segundo turno


postado em 09/10/2018 13:50 / atualizado em 09/10/2018 14:18

(foto: Evaristo Sa/AFP)
(foto: Evaristo Sa/AFP)
  

Uma das principais lideranças do PSDB, o senador José Serra (SP) comunicou, através de sua conta no Facebook, que não irá apoiar Jair Bolsonaro (PSL) nem Fernando Haddad (PT) no segundo turno das eleições deste ano. "Nem o reacionarismo cultural do Bolsonaro nem mais uma aventura petista", disse o tucano, que foi candidato do partido ao Palácio do Planalto em 2002 e 2010.


"Na linha do que disse o presidente Fernando Henrique, a população brasileira nos enviou para a oposição. Não nos cabe como partido fazer propostas nem muito menos ofertas. Não tenho nenhuma disposição de apoiar nem o reacionarismo cultural do Bolsonaro nem mais uma aventura petista. Acho que a direção do PSDB deve seguir essa orientação. Nunca jogando no quanto pior melhor", escreveu Serra.

Na segunda-feira, 8, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso desmentiu que Fernando apoiará Haddad (PT) no segundo turno. "As redes divulgam que apoiarei Haddad. Mentira: nem o PT nem Bolsonaro explicitaram compromisso com o que creio", escreveu FHC.

Nesta terça-feira, 9, a executiva nacional do PSDB, que é presidida por Geraldo Alckmin, se reúne às 15 horas, em Brasília, para decidir, entre outras coisas, sobre se irá se posicionar no segundo turno.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade