Publicidade

Correio Braziliense

Itamaraty distribui convites a chefes de Estado para posse de Bolsonaro

Os convites seguem para todos os países com os quais o país tem relação, inclusive Cuba, Venezuela e outros classificados como 'ditaduras' pelo presidente eleito


postado em 29/11/2018 11:01 / atualizado em 29/11/2018 11:00

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), onde funciona o gabinete de transição do governo(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), onde funciona o gabinete de transição do governo (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
 

 

A toque de caixa, o Itamaraty está entregando a chefes de Estado estrangeiros os convites para a cerimônia de posse de Jair Bolsonaro, em 1º de janeiro. Seguindo a tradição brasileira, os convites seguem para todos os países com os quais o país tem relação, inclusive Cuba, Venezuela e outros classificados como "ditaduras" pelo presidente eleito.

O envio ficou em compasso de espera por vários dias, no aguardo de um sinal da equipe de transição sobre quem deveria ser convidado: se todos os líderes, como é de praxe, ou se alguns ficariam de fora. Nesse caso, prevaleceu a tradição. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade