Publicidade

Correio Braziliense

Bolsonaro diz que vai tentar doar sobra de campanha a instituições beneficentes

Logo após ser eleito, Bolsonaro havia dito que pretendia doar o dinheiro que não foi gasto na campanha à Santa Casa de Juiz de Fora (MG)


postado em 14/12/2018 09:50 / atualizado em 14/12/2018 09:50

O presidente eleito Jair Bolsonaro (foto: Valter Campanato/Ag. Brasil)
O presidente eleito Jair Bolsonaro (foto: Valter Campanato/Ag. Brasil)
 

 

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), afirmou na manhã desta sexta-feira (14/12), via Twitter, que vai continuar tentando doar as sobras de campanha a instituições de caridade. "Diante da possibilidade, continuamos fazendo gestões para viabilizar a doação do restante dos recursos arrecadados em campanha não utilizados (mais de R$ 1 milhão) a instituições beneficentes ao invés deste valor ficar preso ao partido. Mais uma vez agradeço aos que contribuíram!", escreveu o presidente eleito na conta dele no Twitter.



Logo após ser eleito, Bolsonaro havia dito que pretendia doar o dinheiro que não foi gasto na campanha à Santa Casa de Juiz de Fora (MG), que o atendeu após a facada que levou em 6 de setembro. A lei eleitoral, no entanto, não permite tal operação. Bolsonaro apresentou então uma emenda destinando R$ 2 milhões para o hospital.

Começou-se então, via redes sociais, uma campanha espontânea para doação à instituição mineira. Na última segunda-feira, o valor arrecadado somava mais de R$ 1,3 milhão.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade