Publicidade

Correio Braziliense

Meirelles diz que vai avaliar as contas do Estado de SP em cerca de 10 dias

Henrique Meirelles é o novo secretário da Fazenda e Planejamento de São Paulo


postado em 01/01/2019 12:43 / atualizado em 01/01/2019 14:05

"Vamos avaliar. Espero que as contas estejam, sim, no azul. Mas, às vezes, há despesas adiadas", disse Meirelles (foto: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)
O agora secretário da Fazenda e Planejamento de São Paulo, Henrique Meirelles, afirmou que precisará de dez dias, aproximadamente, para avaliar as contas do Estado. Segundo Márcio França, que deixou o cargo de governador nesta terça-feira, 1º, as contas estão no "azul".

Meirelles lembrou, no entanto, que quando chegou ao Ministério da Fazenda no governo de Michel Temer, o discurso oficial era de que havia superávit, quando, na verdade, as contas estavam deficitárias em R$ 170 bilhões.

"Vamos avaliar. Espero que as contas estejam, sim, no azul. Mas, às vezes, há despesas adiadas, receitas excepcionais. Agora vamos enfrentar a realidade de 2019. Vou fazer uma avaliação completa, o que é receita corrente, excepcional. Não tenho esses números, mas na Fazenda isso me demandou mais ou menos dez dias. Vou fazer o mesmo aqui", disse Meirelles.

O novo secretário de Fazenda também comentou a ausência de Kassab. "Evidentemente que qualquer mudança dessa ordem não é esperada", disse sobre o fato de ele não ter tomado posse com os demais secretários. Mas ressaltou que Kassab tem o seu direito à defesa.

O novo governador paulista João Doria (PSDB) deu posse aos seus secretários nesta manhã, no Palácio dos Bandeirantes, exceto a Gilberto Kassab (PSD). O futuro secretário da Casa Civil do Estado assinará o termo de posse ainda hoje e, em seguida, se licenciará do cargo, segundo sua assessoria de imprensa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade