Publicidade

Correio Braziliense

Bruno Covas se licencia da prefeitura de SP por uma semana

O motivo do afastamento não foi divulgado e a licença não será remunerada


postado em 09/03/2019 12:42 / atualizado em 09/03/2019 13:58

Durante a licença de Bruno Covas, o presidente da Câmara, vereador Eduardo Tuma (PSDB) assumirá a prefeitura da cidade (foto: AFP/MAURO PIMENTEL)
Durante a licença de Bruno Covas, o presidente da Câmara, vereador Eduardo Tuma (PSDB) assumirá a prefeitura da cidade (foto: AFP/MAURO PIMENTEL)

 

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, anunciou nesta sexta-feira, 8, que estará de licença do cargo entre os dias 9 e 15 de março.

O motivo do afastamento não foi divulgado e a licença não será remunerada.

Neste período, o presidente da Câmara, vereador Eduardo Tuma (PSDB) assumirá a prefeitura da cidade. Covas, que assumiu o cargo após a renúncia do então prefeito João Doria para concorrer ao governo estadual, não tem vice.

Tuma foi eleito em dezembro do ano passado para a presidência da Câmara, obtendo votos de 51 dos 55 parlamentares.

Confira na íntegra a nota da prefeitura:

"Em ofício enviado hoje à Câmara Municipal, o prefeito Bruno Covas comunicou que estará de licença do cargo, com prejuízo dos vencimentos, entre os dias 9 e 15 deste mês. Neste período, o presidente da Câmara, Eduardo Tuma, assumirá o cargo."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade