Publicidade

Correio Braziliense

Bolsonaro passa por endoscopia e mantém agenda de reuniões com partidos

O presidente foi sedado para o exame e permaneceu inconsciente por 30 minutos. Foi tempo suficiente para concluir o procedimento já agendado


postado em 10/04/2019 12:12

Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante audiência com Deputado Sargento Fahur (PSD-PR)(foto: Marcos Corrêa/PR)
Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante audiência com Deputado Sargento Fahur (PSD-PR) (foto: Marcos Corrêa/PR)

 
O presidente Jair Bolsonaro foi submetido a uma endoscopia no Hospital da Força Aérea (HFAB), na manhã desta quarta-feira (10/4). O exame já estava agendado, mas não estava previsto na agenda oficial passada pela Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom). 

O presidente foi sedado para o exame e permaneceu inconsciente por 30 minutos. Foi tempo suficiente para concluir o procedimento. Em seguida, foi ao Palácio do Planalto e tomou café da manhã. Após isso, se sentiu melhor e o efeito da anestesia foi atenuado. O procedimento foi rotineiro, parte do processo de check-up da saúde de Bolsonaro. 

O presidente se encontra bem. Pela manhã, recebeu o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar (PE) e o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB). Agora, ele inicia uma reunião com a presidente do Podemos, Renata Abreu, e as lideranças do partido no Congresso. 

Ao longo do dia, Bolsonaro se reunirá com outras três bancadas. A do Novo, Avante e do PSC. As reuniões fazem parte da nova remodelagem da articulação política feita pelo próprio presidente da República e pela Casa Civil. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade