Publicidade

Correio Braziliense

Jandira Feghali fala sobre crise envolvendo Moro durante debate sobre Previdência

Parlamentar ainda fez uma crítica ao relator sobre participação de uma coletiva, com líderes dos partidos de centro, para anunciar algumas mudanças no relatório


postado em 13/06/2019 11:55 / atualizado em 13/06/2019 11:56

(foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados )
(foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados )
A líder da Minoria na Câmara, deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ), abriu os discursos da comissão especial da reforma da Previdência e usou parte do seu tempo para falar sobre a crise envolvendo o ministro da Justiça, Sergio Moro, após a divulgação de supostos diálogos dele quando era ainda juiz da Lava-Jato. "A semana deveria ter sido toda dedicada ao debate da democracia, a convocação do ministro, o afastamento. Não deveríamos deslocar o debate para a Previdência", disse ela.

Jandira Feghali ainda fez uma crítica ao relator sobre o ocorrido na noite de quarta-feira, quando o deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) participou de uma coletiva, com líderes dos partidos de centro, para anunciar algumas mudanças no relatório. "Não foi correto o comportamento do senhor conosco ontem, na minoria. Vossa excelência, ficou pouco tempo conosco, não esclareceu muito e pediu que nós não falássemos com a imprensa. E correu de lá para uma coletiva", disse a líder.

O relator rebateu e disse que se reuniu com partidos que defendem a reforma e que pediram as mudanças, como a retirada do BPC, aposentadoria rural e Estados e municípios. Neste momento, ele foi aplaudido por parte do plenário. O relator disse ainda que não foi feito pedido para que oposição não falasse com imprensa.

Depois da fala de Feghali, foi a vez do líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO), falar. Ele foi breve e usou parte do seu discurso para defender o ministro Moro e também para falar sobre a necessidade de fazer reformas no País, como a da Previdência e a Tributária.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade