Publicidade

Correio Braziliense

Moro confirma que vai ao Senado e diz que não condenou ninguém ilegalmente

Ministro participou de almoço com deputados da Frente Parlamentar da Agropecuária


postado em 18/06/2019 15:17 / atualizado em 18/06/2019 15:19

(foto: Sérgio Lima/AFP)
(foto: Sérgio Lima/AFP)
O ministro da Justiça, Sérgio Moro, confirmou a deputados que vai comparecer ao Senado, nesta quarta-feira (20/6), para dar esclarecimentos aos integrantes da Comissão de Constituição e Justiça da Casa legislativa. Além disso, de acordo com o deputado Alceu Moreira (MDB-RS), o ministro afirmou que todas as condenações que realizou ocorreram com base na legislação.

O ministro se reuniu com integrantes da Frente Parlamentar pela Agricultura da Câmara, durante o horário do almoço, em Brasília. "Me diga um só julgado que seja, de qualquer um destes crimes, que não esteja coberto pela lei", teria dito Moro, de acordo com o deputado Alceu. Moro também teria dito que a relação entre as partes, seja juiz, advogado e Ministério Público é normal, "desde que não influencie no julgamento". 

No dia 26, o ministro também deve ir à Câmara. Ele foi convidado a falar sobre o episódio relacionado a divulgação de mensagens trocadas entre ele e o procurador Deltan Dallagnol, da Lava-Jato no Paraná.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade