Publicidade

Correio Braziliense

Bolsonaro: ''Amazônia não será parque ecológico para o mundo''

De acordo com o presidente, países de primeiro mundo "estão de olho no índio, na floresta e nas riquezas mineiras da região"


postado em 12/10/2019 20:15 / atualizado em 12/10/2019 20:37

(foto: Marcos Corrêa/PR)
(foto: Marcos Corrêa/PR)
O presidente Jair Bolsonaro disse neste sábado (12/10), em entrevista à TV Aparecida, que não vai aceitar a ação de outros países em terras da Região Amazônica. Segundo ele, a "Amazônia não será parque ecológico para o mundo" enquanto ele estiver à frente do Palácio do Planalto.

 

"Países de primeiro mundo estão de olho no índio, na floresta e nas riquezas mineiras da região. Alguns querem que nós demarquemos a Amazônia toda como um grande parque ecológico para o mundo. Isso não vai ser feito do que depender do meu governo. É buscar maneiras, como estamos fazendo, de desenvolver a região respeitando o meio ambiente", disse o chefe do Executivo federal.

 

Bolsonaro também comentou com a emissora que não há motivos para tanto alarde por conta das queimadas florestais na Amazônia. Levantamento feito pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), mostra que o número de focos de queimadas em áreas de demarcação indígena de janeiro a setembro deste ano dobrou em relação ao mesmo período ano anterior — são 5.242 focos contra 2.544 dos nove primeiros meses de 2018.

 

"Nós temos uma das médias menores dos últimos 15 anos. Não tem porque de todo esse alvoroço", opinou. "Aquela região, desde há muito, tem problemas com queimadas. Só pelo seu tamanho é impossível tomar conta de tudo aquilo, mas fazemos nossa parte”, completou o presidente. 

 

Bolsonaro ainda declarou que "quando nós dermos o título de propriedade para muita gente que não tem naquela região", será possível identificar "qualquer anormalidade e saber quem é o responsável". "Alguns países do mundo têm aquilo como área sua. E qualquer problema que tenha em especial no meu governo, que não é de esquerda que era tão elogiada por eles, nos atacam”, desabafou.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade