Publicidade

Correio Braziliense

"Não vamos dar espaço e contemporizar com presidiário", diz Bolsonaro

Ao cumprimentar cerca de 20 pessoas que o aguardavam na frente do Palácio da Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro falou diretamente sobre a soltura do ex-presidente Lula


postado em 09/11/2019 13:45

(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
O presidente Jair Bolsonaro falou diretamente sobre o ex-presidente Lula, neste sábado (9/11), um dia após a soltura do petista, que estava preso na sede da Polícia Federal, em Curitiba. "A grande maioria do povo brasileiro é honesto, trabalhador, e não vamos dar espaço e contemporizar com presidiário", disse Bolsonaro, ao cumprimentar cerca de 20 pessoas que o aguardavam na frente do Palácio da Alvorada.
 
"Ele está solto, mas com todos os crimes dele nas costas", continuou o presidente, ao sair do palácio para participar de um churrasco no clube dos sargentos do Exército. Antes de sair, ele recebeu a visita de um dos filhos, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).
 
No início da manhã, Bolsonaro já havia se manifestado pelo Twitter sobre soltura de Lula, sem citar o nome do petista. "Amantes da liberdade e do bem, somos a maioria. Não podemos cometer erros. Sem um norte e um comando, mesmo a melhor tropa, se torna um bando que atira para todos os lados, inclusive nos amigos. Não dê munição ao canalha, que momentaneamente está livre", tuitou Bolsonaro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade