Publicidade

Correio Braziliense

Presidente da OAB diz que quem apoia Bolsonaro tem desvio de caráter

Felipe Santa Cruz criticou o governo por "namorar" pessoas que atacam as minorias e disse que Bolsonaro "segue o manual do fascismo"


postado em 11/12/2019 13:53

(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, afirmou, nesta quarta-feira (11/12) que "quem apoia o governo Bolsonaro tem desvio de caráter". As declarações foram feitas em um encontro com jornalistas na sede do Conselho Federal da Ordem.

Durante a conversa, Felipe afirmou que se eventualmente ficasse comprovado que o presidente da República tem algum envolvimento com o assassinato da vereadora Marielle Franco, no Rio de Janeiro, ele não poderia responder por isso, já que o fato ocorreu fora do período de exercício do mandato. O presidente da OAB destacou que pensa em prol da "presunção de inocência de Bolsonaro".

O jurista também declarou que "não duvida" de envolvimento de alguém da família Bolsonaro na morte de Marielle. Para o presidente da OAB, Jair Bolsonaro "namora" racistas e fascistas. “Quem apoia o governo Bolsonaro tem desvio de caráter. São ideias racistas, homofóbicas e machistas. Os piores sentimentos da sociedade brasileira. Bolsonaro segue o manual do fascismo.”  

Pelo Twitter, o ministro da Justiça, Sérgio Moro, respondeu ao presidente da OAB. Moro foi alvo de críticas de Felipe Santa Cruz, que alegou não ter acesso ao Ministério da Justiça. "Tenho grande respeito pela OAB, por sua história, e pela advocacia. Reclama o Presidente da OAB que não é recebido no MJSP. Terei prazer em recebê-lo tão logo abandone a postura de militante político-partidário e as ofensas ao presidente e a seus eleitores", escreveu o ministro.  


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade