Politica

''Deixem o nosso governo em paz'', diz Bolsonaro à imprensa

Durante solenidade, o presidente ainda disse para a imprensa ''tomar vergonha na cara"'

Ingrid Soares
postado em 16/01/2020 20:27
Jair BolsonaroDurante a solenidade de passagem de comando da Operação Acolhida que ocorreu no Palácio do Planalto na tarde, o presidente Jair Bolsonaro disse para a imprensa ;tomar vergonha na cara;.

;Essa imprensa que está me olhando, não tomarei nenhum medida para censurá-los, mas tomem vergonha na cara. Deixem nosso governo em paz, para levar harmonia ao nosso povo.;

[SAIBAMAIS]Ele afirmou que a imprensa não noticia as boas ações do governo. ;Há pouco falaram da taxação do aço. Quando não teve, nenhuma linha. Há pouco, nos atacaram pela Argentina ter prioridade para entrar na OCDE. Conseguimos mudar a situação a imprensa não diz nada. Ninguém faz mais que nosso governo nos últimos anos;, disse.

O chefe do Executivo também teceu críticas ao livro de Thaís Oyama, ;Tormenta: o governo Bolsonaro: crises, intrigas e segredos;, que conta bastidores do primeiro ano de gestão do presidente.

;A nossa imprensa tem medo da verdade. Deturpam o tempo todo. E quando não conseguem deturpar, mentem descaradamente. Trabalham contra a democracia, como o livro dessa japonesa, que eu não sei o que faz no Brasil;, apontou.

No ato, ocorreu a passagem de comando da Operação Acolhida. A coordenação fica sob responsabilidade do general de brigada Antônio Manoel de Barros, no lugar do general Eduardo Pazuello que assumiu o Comando Militar da Amazônia (CMA), da 12; Região Militar (12; RM).

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação