Publicidade

Correio Braziliense

'Vai ser o segundo Dia do Fico', diz Moro sobre permanência no governo

Sérgio Moro disse que conversou com o presidente da República Jair Bolsonaro sobre a relação com o governo


postado em 27/01/2020 14:21 / atualizado em 27/01/2020 15:51

(foto: Carolina Antunes/PR)
(foto: Carolina Antunes/PR)
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, disse que conversou com o presidente da República Jair Bolsonaro sobre a permanência no governo e que a questão foi pacificada na sexta-feira (24/1). Em entrevista nesta segunda-feira à rádio Jovem Pan, no programa Pânico, Moro afirmou que continua no governo e brincou com a cobrança para permanecer no ministério: "vai ser o segundo Dia do Fico". 

Para reforçar a afirmativa de que continua no primeiro escalão do governo Bolsonaro, Moro, que está cumprindo agenda em São Paulo, como a entrevista ao programa, disse que embarcará em breve para Brasília. 

À Jovem Pan, o ministro ainda comentou a melhora nos números da segurança pública. "Os números (de homicídios e roubos a cargas) caíram, mas eram muito ruins", afirmou Moro. "As coisas estão melhorando, mas os números remanescentes são muito altos. Até ter uma percepção melhor, vai levar um pouco mais".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade